Escrita de Pressão. Também em Jorros de Litro.
07
Dez 10
publicado por A.Bruto, às 09:43link do post | comentar

Experimentas a inércia quando corres
e não consegues parar.
Quando te jogas contra paredes desse corredor apertado,
para tentar abrandar o corpo descontrolado
que não ganha nem perde velocidade
(dois muros, lado a lado

e a terra e o céu em seus deveres primordiais),
trotando rodeado de silvas e mato

que te vai rasgando a carne.

aí sim, podes falar de inércia,

quando a velocidade do teu corpo em movimento é inalterada,
mesmo se te largam fogo
ou tropeças sem cair.

Tudo o resto é preguiça.

 


mais sobre mim
Dezembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO